História​

Minha vida com os pastores alemães

Criando pastores alemães desde 1981

 

Adquiri meu primeiro pastor alemão, uma cadela chamada Andria von Haus Franziskaner no dia 15.06.1977, na Argentina. Andria era filha de Hasso vom Benzenhof, um cão alemão, com Ahinga von Haus Szczesny, uma cadela de origem italiana, que vinha de um famoso canil que se chamava Ornedo.  É interessante que, sendo eu adepto de São Francisco de Assis, comprei justamente uma cadela de um canil chamado von Haus Franziskaner.

 

O Canil Vale de São Ernesto foi aberto e registrado em 1981 pelo meu pai Claudio Ernesto Martin. Em  04.05.1981 nascia minha primeira ninhada no canil Vale de São Ernesto: Asso, Agust e Argenta filhos de Andria v. Haus Franziskaner & Kim do Estense.

 

Assumi o canil a partir da minha segunda ninhada e o trabalho e esforço constantes permitiram situá-lo entre os melhores do Brasil. 

 

Claudio Martin

Criador, apresentador de meus cães e juiz da raça

​Várias atividades ligadas ao pastor alemão

Ao longo dos anos, importei vários cães da Alemanha e a paixão pelos cães pastores alemães foi crescendo. E até pouco tempo atrás,  eu mesmo sempre apresentava os meus cães nas exposições.

 

Em 1989 me formei Juiz de Criação e em 1991 Juiz de Seleção e Juiz de Coapa (Confederação Americana de Pastores Alemães).

Me preparando para o início da exposição

​Concentração em pista

Debutando na pista com Filomena do Vale de São Ernesto, hoje uma de nossas matrizes. 

 

Sempre uma grande emoção ver um filhote nascendo, crescendo, treiná-lo e apresentá-lo pela primeira vez em pista!


 

© 2023 by VALE DE SÃO ERNESTO, all rights reserved.